O MUNDO DO MOTOCICLISMO ESTÁ DE LUTO

18/08/2011 12:20

 O motociclismo mundial recebeu hoje a triste notícia do falecimento de Claudio Castiglioni, de 63 anos, ocorrido em uma clínica em Varesse, Itália. Ainda não se sabe o motivo de seu falecimento. Castiglioni era uma das pessoas mais importantes no setor, um personagem histórico tanto para a indústria quanto para o esporte. Filho de Giovanni Castiglioni fundador da Cagiva em 1950, que em seguida passou para as mãos de Claudio e seu irmão Gianfranco em 1978. Em 1985 comprou a Ducati e reergueu a marca, alcançando ótimos números de vendas com os modelos Monster e a mítica 916. 


No ano de 1987 adquiriu a Husvarna, onde transferiu a fabrica da Suécia para a Itália, concentrando as atenções nas competições, conquistando títulos mundiais para a marca, até que em 2007 esta foi vendida para a BMW. Atualmente era o responsável pela MV Agusta, adquirida em 1991, porém em 2008 se viu obrigado a vendê-la para a Harley-Davidson, tendo retomado a marca a cerca de um ano. Claudio não estará presente para os lançamentos das duas motos baseadas na nova estrela da marca, a supersport F3. Aliás, a F3 foi a última moto que ajudou a criar e a as primeiras 200 unidades do modelo “Série Oro” que vão sair da fábrica em Varese,  serão uma homenagem ao próprio Claudio Castiglioni. Addio Fratello!

 

Fonte: Motociclismo on Line